Abertura da Colheita do Arroz

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
news
Assine 5

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos

notícias

22.02.2021 | INTERNACIONAL - por Cleiton Evandro dos Santos - AgroDados/Planeta Arroz

Costa Rica volta a abrir tender trade suspenso duas vezes

As duas suspensões da Costa Rica têm como propósito o avanço da colheita no Brasil e uma expectativa de que as cotações recuem até patamares que viabilizem a aquisição

A Costa Rica, país que é tradicional comprador de arroz em casca brasileiro, voltou a abrir uma concorrência internacional para a aquisição de aproximadamente 60 mil toneladas do grão. O resultado deverá ser publicado no dia oito de março. O país já lançou e suspendeu duas vezes o mesmo tender trade por considerar altos os preços do Mercosul, de quem tem interesse de adquirir o produto. Até o momento, os preços dos Estados Unidos estão cerca de 30 dólares mais baratos, mas o padrão de grãos não é igual.

Uma operação chegou a ser montada e uma trading adquiriu cerca de 20 mil toneladas entre R$ 80,00 e R$ 82,00 a saca, para viabilizar o negócio. Mas, mesmo a melhor proposta brasileira ficou acima do teto esperado pelos compradores. As duas suspensões da Costa Rica têm como propósito o avanço da colheita no Brasil e uma expectativa de que as cotações recuem até patamares que viabilizem a aquisição, que seria, atualmente, em torno de R$ 75,00 por saca para ter competitividade.O valor, no entanto, ainda está longe dos R$ 78,00 a R$ 80,00 ofertados pelas grandes indústrias na Fronteira Oeste pelo arroz “novo” e praticamente sem negócios. Grão da safra “velha” não são negociados abaixo dos R$ 85,00. A entrega seria em abril, maio e junho.

Os costa-riquenhos estão abastecidos e só precisarão repor parcialmente seus estoques no decorrer do ano. Com a colheita mais adiantada e preços competitivos, mas dificuldades de logística, o Paraguai é forte concorrente nesta disputa. Hoje, o grão paraguaio entra no Brasil em torno de R$ 75,00, por saca, colocado em Santa Cruz do Rio Pardo (SP), mas muitos agentes de mercado consideram que este não é o valor de referência, mas de equivalência do vencimento de custeio destas empresas a cultivadores do país vizinho. 


Enviar notícia para um amigo

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2021 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio