Abertura da Colheita do Arroz

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
Assine 5
news

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos

notícias

20.02.2021 | SAFRA - por Estela Benetti - NSC Total

SC inicia colheita de arroz; nova safra começa a reduzir o preço do produto

Santa Catarina é o segundo maior produtor de arroz do país, atrás do Rio Grande do Sul

imagem Secretário de Agricultura, Altair Silva, observa lavoura de arroz em Rio do Sul Foto: Paulo Henrique Santhias/Divulgação

Santa Catarina oficializou nesta sexta-feira o início da colheita da safra 2020/2021 de arroz no dia de campo que comemorou também os 50 anos da cooperativa Cravil, em Rio do Sul. No evento, que teve a participação do secretário de Estado da Agricultura, Altair Silva, a Epagri, empresa de pesquisa e extensão rural, lançou a nova cultivar de arroz SCS 125, mais produtiva e resistente para produção em SC. A colheita também ajuda a aliviar o bolso do consumidor, com início da queda de preços do cereal, que estava em R$ 94 por saca em dezembro e já recuou para cerca de R$ 85 em fevereiro, uma redução de 10%.

Santa Catarina é o segundo maior produtor de arroz do país, atrás do Rio Grande do Sul. Na avaliação do secretário, o lançamento de uma nova cultivar de arroz mostra que o setor produtivo vem inovando, buscando novas tecnologias e aumentando a qualidade e produtividade das lavouras.

A expectativa é de que a safra do país traga os preços do arroz a patamares mais parecidos com os de abril do ano passado, quando uma saca custava em torno de R$ 50. Os preços superaram R$ 100 no final do ano devido às altas vendas no mercado interno, impulsionadas pelo auxílio emergencial, e pelas exportações favorecidas pelo dólar alto. Mas como a cotação da moeda americana segue alta e o Brasil não tem estoque regulador ideal de alimentos, existe o risco de preços altos de arroz e outros cereais também este ano.

Até pouco anos, Santa Catarina não exportava arroz. Agora, a atividade entrou na pauta. Segundo a Secretaria de Agricultura, em 2020 as vendas externas superaram 600% e chegaram a 48 mil toneladas, com receita de US$ 20 milhões. Os principais destinos foram países da África e América Central.

Para safra atual, produtores de Santa Catarina plantaram 7,9 mil hectares e a projeção é colher 1,18 milhão de toneladas.


Enviar notícia para um amigo

comentários (3)

20/02/2021 - Edereson Diehl ( - AC)
Bom se algum produtor se sujeitar a vender por R$50,00 só se não der valor ao seu trabalho, ainda mais q fica abaixo dos custos de produção. Quem tem soja não vende arroz nem a R$90,00. SDS.bons negócios.
21/02/2021 - Gilberto Nilton Lino Lino (Biguaçu - SC)
Sempre a mídia querendo impulsionar o preço do arroz pra baixo.arroz vai subir com certeza .vai quebrar bastante a produção .mida de merda..valorizem o produtor .dólar lá em cima . vamos exportar .
22/02/2021 - Henrique Cardoso (Palmares do Sul - RS)
Como sempre notícias tendenciosas tentam criar a ideia de que o preço está caindo. Pois bem, pode até cair um pouco mas não vai voltar a R$ 50,00 o saco. Lógico a indústria quer comprar barato, exportar aproveitando a alta do dólar e depois chorar pro governo retirar taxas de importação. Só esqueceram do fator climático. Estados Unidos prevendo redução de área, Rio Grande do Sul não teve o aumento de área que previam, vamos ver até quando a indústria vai continuar tentando matar o produtor. TE LIGA PRODUTOR: PLANTA SOJA!

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2021 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio