Abertura da Colheita do Arroz

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
Assine 5
news

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos

notícias

18.02.2021 | PESQUISA - por Cleiton Evandro dos Santos - AgroDados/Planeta Arroz

Descoberto gene do arroz que se adapta a solos com baixos níveis de nitrogênio

Os cientistas descobrem um gene no arroz que se adapta aos baixos níveis de nitrogênio no solo

imagem Orizicultura poderá receber novo impulso com a descoberta Foto: Divulgação

Cientistas chineses descobriram um gene que ajuda o arroz a se adaptar aos baixos níveis de nitrogênio do solo, o que ajudaria a preservar o ecossistema.

Acontece que os fertilizantes de nitrogênio desempenham um papel indispensável no aumento da produtividade das colheitas, embora afetem os ecossistemas. Diante disso, cientistas do Instituto de Genética e Biologia do Desenvolvimento da Academia Chinesa de Ciências (CAS), conseguiram identificar o gene do arroz que se adapta a níveis mais baixos de nitrogênio no solo, o que ajudaria a proteger o meio ambiente.

Os pesquisadores avaliaram várias safras de diferentes regiões e estudaram cuidadosamente como várias características agronômicas responderam ao nitrogênio em campos com diferentes condições de fornecimento de nitrogênio.

Além disso, eles conduziram um estudo de associação do genoma (GWAS) e, surpreendentemente, apenas um sinal GWAS muito significativo foi identificado. Os mecanismos detalhados de como OsTCP19 atua na regulação do cultivo de arroz também foram caracterizados.

Eles descobriram que a variação alélica OsTCP19-H, era altamente conservada nos tipos de arroz cultivados em regiões pobres em nitrogênio, mas que esta mesma havia se perdido nos tipos de arroz cultivados em regiões ricas em nitrogênio. Eles também descobriram que esse gene é altamente predominante no arroz selvagem cultivado em solo sem fertilizantes artificiais.

Contra isso, eles concluíram que a introgressão desse gene nas lavouras modernas poderia melhorar a eficiência do uso do nitrogênio em 20 a 30% em condições de fornecimento reduzido de nitrogênio.

Nesse sentido, esse desenvolvimento permitiria aos agricultores ter uma cultura com alta eficiência no uso de nitrogênio, o que garantiria a segurança alimentar de forma sustentável com o meio ambiente.


Enviar notícia para um amigo

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2021 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio