Abertura da Colheita do Arroz

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
news
Assine 5

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos

notícias

21.10.2020 | GENTE - por Planeta Arroz

Arroz do Mercosul perde o líder argentino Daniel Filigoi

Contador, ex-presidente da Associação Correntina de Produtores de Arroz (ACPA), faleceu nesta terça-feira, em Corrientes, Argentina

imagem Filigoi: liderança setorial Foto: Divulgação

O setor arrozeiro do Mercosul perdeu um de seus grandes líderes nesta terça-feira, 20, em Corrientes, na Argentina. Faleceu aos 67 anos, completados no dia 1º de outubro, o contador Daniel Filigoi, ex-presidente da Associação Correntina de Produtores de Arroz (ACPA).

Atualmente ocupava a presidência da Federação de Economia de Corrientes (FEC), mas continuava ativo na organização das Jornadas de Arroz e na organização das gestões do setor produtivo. Também teve destacada atuação na vida esportiva da capital correntina como atleta e pai de atletas de rúgbi (Agrupação Correntina de Veteranos do Rúgbi) e como tesoureiro da Associação de Basquete da Cidade de Corrientes.

Um dos principais defensores da ideia de um Mercosul exportador e da necessidade de unidade entre as associações produtivas dos quatro países do Conesul, Filigoi escreveu uma parte da história da cultura nos quase 30 anos do bloco econômico. "Dói perder um líder arrozeiro porque demoramos muito a encontrá-lo", disse um amigo produtor em sua rede social, definindo muito bem o vácuo que o precoce desaparecimento do contador deixa no setor.

"Perdemos um dos grandes do arroz nas Américas", definiu o analista de mercados e editor da Planeta Arroz, Cleiton Evandro dos Santos, que conhecia Filigoi há cerca de 20 anos. "Um homem pragmático do ponto de vista técnico, estratégico, mas apaixonado pelo arroz, pelos esportes e pela organização dos segmentos econômicos em busca de resultados mais efetivos. Fará muita fálta", definiu. Às despedidas se somaram companheiros de atuação empresarial e desportiva, e também amigos, políticos e um grande número de integrantes da cadeia produtiva do arroz das Américas.

Jorge Vara, ex-ministro da Agricultura correntino, o definiu como como um companheiro de caminhos nas questões do setor arrozeiro, mas também com o desenvolvimento econômico em sí, pela sua sua militância em favor dos empreendedores do campo e da cidade.

 


Enviar notícia para um amigo

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2020 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio