Facebook

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
news
assine 3

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos
banner5

notícias

06.04.2020 | EXPORTAÇÃO - por Patrícia Loss - Planeta Arroz

Arroz começa o ano com déficit na balança comercial

Déficit em março foi de 28 mil toneladas, mas tendência é de recuperação

Depois de alcançar um superávit líquido de quase 400 mil toneladas de arroz, em base casca, no ano comercial 2019/20, encerrado em 29 de fevereiro, o Brasil iniciou a nova temporada do comércio com um déficit superior a 28 mil toneladas em março. Segundo dados da Secex/Mdic, o país alcançou uma importação de 112,5 mil toneladas de arroz (base casca) e exportou 84 mil toneladas no primeiro mês do ano comercial 2020/21, que vai até fevereiro do ano que vem.

Esse comportamento se explica em diversas variáveis. Com baixos estoques de passagem, uma safra menor e aumento da demanda em março, indústria e varejo brasileiros trataram de buscar produto no Mercosul, em especial no Paraguai. Argentina e Uruguai também estavam liquidando estoques no final do ano comercial, depois de um 2019 com muitas dificuldades de exportar. Outra coisa que explica foi a saída, com atraso, de um barco para a Venezuela, que já estava comprado desde 2019.

Além disso, o Paraguai concorreu com firmeza com o Brasil nas Américas Central e do Sul por três motivos: aumentou a safra, precisa reduzir a “Brasildependência” para ampliar suas médias de preços. Essa lição aprendeu em definitivo no ano passado, de que é melhor vender com margens mínimas – ou até negativas – para terceiros mercados no início do ano comercial do que depender exclusivamente do humor do mercado brasileiro. Por fim, produtores e indústrias precisam honrar os compromissos de colheita.

Mesmo com o dólar valorizado, e competitivo, o Brasil teve mais dificuldades em exportar. Estoques baixos, safra menor e concorrentes – inclusive os Estados Unidos – muito ativos entre janeiro e março, afetaram as vendas. Mesmo com os problemas causados pela pandemia do Covid-19, em abril a tendência é de que haja maior equilíbrio, uma vez que houve alguns bons negócios com arroz em casca, beneficiado e os quebrados de arroz vivem bom momento.

“Frente à valorização global por causa da pandemia e da interrupção das exportações pelos grandes fornecedores e o aumento da demanda pelos importadores, ainda estamos com o Real desvalorizado. Isso nos faz ter preços altos aqui dentro, mas bem atrativos para vendas externas. Além disso, Estados Unidos – que é o maior concorrente nas Américas e Oriente Médio - não têm produto de qualidade em volume para vender até agosto. Neste cenário, o Brasil tem pelo menos 1,1 milhão de toneladas para vender e o mundo sabe disso”, afirma Cleiton Evandro dos Santos, analista da AgroDados Planeta Arroz.

Ele considera que o país deve ter um bom desempenho nas vendas este ano, a permanecer este cenário. “O Brasil é um exportador de oportunidade e o Covid-19, associado à desvalorização da moeda nacional, gerou uma condição favorável”, acrescenta. As únicas restrições à este cenário até o momento, segundo Santos, é a concentração da demanda no mercado interno e a elevação dos preços na Zona Sul, com indústrias e tradings disputando as cargas. “Tivemos negócios de R$ 55,00 a até R$ 57,00 FOB Porto, mas os produtores que estão com melhor condição financeira e têm mais produto tentam forçar o negócio a R$ 60,00, final. É do jogo do mercado, mas preços passando de 10,20 para 11,50 dólares, aproximadamente, numa condição de competição, podem viabilizar ou não uma carga”, resume.




Enviar notícia para um amigo

comentários (4)

06/04/2020 - Luiz Antônio Ribeiro ( - RS)
Não entendi a colocação de Déficitb, se exportamos 112.500 ton. e importamos somente 84.000 ton. Podem me explicar???
06/04/2020 - Marcos Hanus ( - CE)
Erro de digitação
06/04/2020 - Moderador Planeta Arroz (Porto Alegre - RS)
Luiz Antônio, obrigado. Já corrigimos. Os números estavam invertidos no texto original.
06/04/2020 - Edereson Diehl ( - AC)
O corona está causando um déficit de atenção em todo mundo!

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2020 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio