Facebook

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
assine 3
news

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos
Assine 4

notícias

13.11.2019 | SAFRA - por Nestor Tipa Júnior/AgroEffective/Federarroz

Primeiras cargas de arroz brasileiro para o México embarcam nesta semana

No Porto de Rio Grande estão 11 conteiners de arroz beneficiado para o país da América do Norte

Confirmada em maio deste ano pela ministra da Agricultura, Tereza Cristina, a abertura do mercado mexicano para o arroz brasileiro se torna realidade neste mês de novembro. Já estão no Porto de Rio Grande prontos para embarque 11 conteiners com arroz beneficiado para o país da América do Norte, com previsão de saída ainda nesta semana. A notícia do primeiro negócio realizado pelos brasileiros foi comemorada pelo setor arrozeiro.

Para o presidente da Federação das Associações de Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), Alexandre Velho, a expectativa é que este embarque seja apenas o primeiro e que em breve também haja a exportação do arroz em casca do Rio Grande do Sul, que produz cerca de 70% do cereal no país, para o território mexicano. "Esta é uma confirmação que faz muito tempo que vem sendo trabalhada com as entidades e com o apoio do Ministério da Agricultura no sentido de viabilizar esta exportação", observa.

As conversas para a abertura do mercado mexicano ocorrem desde 2015. Na ocasião, A Federarroz, representada pelo então presidente Henrique Dornelles, esteve participando de evento com representantes das Américas em Cancún, onde foram dados os primeiros passos para a negociação, pois na época já havia forte demanda pelo produto brasileiro. Já em 2017, em visita à Expodireto Cotrijal, Velho, então vice-presidente da entidade, reforçou as negociações juntamente com o então embaixador mexicano, Eleazar Velasco Navarro.

Em 2015, segundo dados do Comité Nacional Sistema Producto Arroz del Mexico, os mexicanos colheram 158,35 mil toneladas de arroz, queda de 80,4% em 30 anos. Em 1985, a produção do país era de 807 mil toneladas. Enquanto isso, no mesmo período, o consumo cresceu de 850 mil para 1,1 milhão de toneladas.




Enviar notícia para um amigo

comentários (3)

14/11/2019 - antonio carlos garcia rodrigues (camaqua - RS)
Pronto...México consome uma produção Toda de santa catarina de Arroz....É uma Mercado a ser avaliado com Atenção....
14/11/2019 - Flavio Evandro (Santa Maria - RS)
Dai daqui uns dias vem a Lei Kandir onerar as exportações... Tanto trabalho para nada... Esse é o Brasil do tomaladacá... Quem ganha sempre é o governo... O sócio que não tem prejuízo nunca!!!
15/11/2019 - Marcos Hanus ( - CE)
Temos que pressionar os congressistas para não aprovar a lei Kandir.
A situação do arrozeiro continua ruim, e a ministra até agora não apresentou nenhum resultado, mesmo com o pedido do presidente.

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2019 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio