sulfacal

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
assine 3
news

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos
Facebook

notícias

01.08.2019 | INOVAçãO

O mais brasileirinho

Pesquisa transforma arroz e feijão em biscoito sem glúten e lactose

imagem O pesquisador David e seu “brasileirinho”

 Arroz e feijão no prato são unanimidade na mesa do brasileiro. Tanto que o pesquisador David Wesley da Silva inovou em sua tese de doutorado e criou um biscoito de arroz e feijão chamado Brasileirinho. O biscoito, tipo snack, foi desenvolvido na Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA) da Universidade de Campinas (Unicamp), é rico em fibras e tem alto valor proteico.
“O produto não contém glúten, é opção para quem possui intolerância à lactose e agrada o público vegano. Há muita carência no mercado de biscoitos que tenham qualidade nutricional e que possam ser consumidos pela população que tem restrições alimentares”, explica o pesquisador.

David Wesley da Silva levanta um problema comum atualmente em razão da vida atarefada das pessoas. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o prato mais popular do país tem sido consumido menos já que muitas pessoas optam pelo fast food e por lanches por não terem o devido tempo de sentarem-se com calma e fazer uma refeição. O IBGE indica uma queda de consumo de 9,1 quilos, de 45,1 para 36 quilos, entre 2000 e 2017.

“Se você converte o prato em biscoito, você tira a desvantagem do tempo de preparo do prato na forma tradicional e oferece a possibilidade de ele ser guardado numa bolsa, por exemplo, e consumido no momento mais oportuno”, analisa. Outra vantagem é o fato de o biscoito ter um preço mais acessível em razão de a matéria-prima ser farta e barata.

Agora, o próximo passo é levá-lo para os supermercados. Para isso, será necessária a produção em grande escala. Mas a indústria, segundo Silva, deve ter um perfil alinhado com o conceito do produto final. “Estamos aguardando. Queremos uma empresa que tenha as características para manter a composição do produto. Não queremos uma indústria que se proponha a fazer e não esteja preparada”, reconhece. A previsão é que no ano que vem já seja possível se alimentar desse prato de grãos em cápsulas.


FIQUE DE OLHO

 

O uso do arroz e do feijão para a produção de produtos alimentares diferentes dos padrões de consumo habituais não chega a ser uma novidade. Na Embrapa Arroz e Feijão, em Goiás, há alguns anos, a campanha Arroz e Feijão: O Par Perfeito do Brasil tornou um sucesso o doce casadinho, com o brigadeiro de feijão e o branquinho produzido com base em arroz. No início do ano, um empresário voltado a produtos vegetarianos lançou o hambúrguer de feijão e nos sites culinários faz sucesso a receita de um doce de forma, preto e branco, com base em farinha de arroz e feijão. Para os nutricionistas, a questão é comer com equilíbrio, sem excessos, pois a dupla é uma composição nutricional perfeita.


Enviar notícia para um amigo

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

busca no site

buscar
gluten3
Todos os direitos reservados - Copyright 2020 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio