Abertura da Colheita do Arroz

cadastre-se

Na Planeta Arroz os usuários cadastrados têm muitas vantagens. Faça o seu cadastro grátis.

cadastre-se agora
news
Assine 5

rss

Na Planeta Arroz você pode conferir as últimas novidades através de Feeds RSS. Confira:

notícias
artigos

notícias

01.02.2019 | MERCADO

Preço (bem) mínimo

 A cadeia produtiva do arroz está trabalhando intensamente junto ao governo federal buscando a revisão do preço mínimo do arroz que começou a vigorar em 1º de fevereiro de 2019 e vai até 31 de janeiro de 2020. Com reajuste de R$ 1,19%, o valor aumentou de R$ 36,01 para R$ 36,44 por saca de 50 quilos em casca no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina. A legislação prevê que os valores sejam definidos até julho do ano anterior à safra mediante pesquisa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A pedido da Farsul e da Federarroz, a Conab realiza novo levantamento de campo e revisa seus critérios neste mês de fevereiro. Ainda que a expectativa seja de que um novo preço mínimo só entre em vigor na próxima safra, em fevereiro de 2020, o setor aposta numa mudança imediata por decisão política. “Estamos solicitando a alteração dos critérios avaliados, uma vez que a Conab não leva em conta alguns fatores no custo, como arrendamento, pró-labore e investimentos. Sem considerar estes fatores, ainda assim, o estudo de campo não é realizado há quatro anos e temos a convicção de que hoje o preço mínimo, somente para cobrir os custos variáveis, precisa estar entre R$ 40,00 e R$ 42,00”, assegura Alexandre Velho, vice-presidente da Federarroz.

O preço mínimo é aplicado em comercializações com o governo federal, mas sua revisão é importante por outros motivos, como explica o presidente da Federarroz, Henrique Dornelles. “Ele estabelece um piso de preços para a safra e faz com que o Estado precise intervir sempre que os preços estiverem abaixo deste patamar. Além disso, seguro agrícola e custeio têm como base o preço mínimo. Então, se formos observar, a defasagem de até R$ 6,00 por saca também está comprometendo a renda do agricultor”, resume.

EDIÇÃO 69

publicado na edição

EDIÇÃO 69
Fevereiro de 2019

Veja o conteúdo

Disponível
Versão Impressa


Enviar notícia para um amigo

Deixe o seu comentário.
Para isso, é necessário estar logado.

esqueci minha senha enviar

Se você é um novo usuário, faça o seu cadastro gratuitamente.

Todos os direitos reservados - Copyright 2020 - Planeta Arroz

Desenvolvido por dzestudio